1 min de leitura

Com o encerramento do ano letivo e abertura de matrículas 2022, o Procon (Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor) do Mato Grosso do Sul analisou os valores praticados nos preços das mensalidades nas escolas particulares de Campo Grande.

A diferença percentual mais acentuada foi constatada em relação ao 9º ano do ensino fundamental, em que a variação atingiu o índice de 457,31% de diferença. Já a menor variação (29,50%) está relacionada aos 1º e 2º anos do ensino médio.

O trabalho foi realizado entre os dias 25 de novembro e 6 de dezembro, foram verificados valores das mensalidades em 67 estabelecimentos de ensino, nos quais 48 itens fizeram parte da avaliação.

Em termos comparativos, não houve variação nos períodos intermediários do 1º, 2º e 3º anos do ensino ano do ensino médio. Dos 45 estabelecimentos de ensino considerados no comparativo anual, 37 promoveram aumento e 8 apresentaram decréscimo.

*Com informações do Procon/MS

 

 

Comentários